Filigrana do Cerrado

A natureza é belíssima e esplendorosa em sua variedade de formas e texturas. Procuramos valorizar e respeitar este esplendor em todo o nosso processo de fabricação.

Todas as peças são essencialmente artesanais, feitas uma a uma até se tornarem condutoras de corrente elétrica, quando então, entram numa linha galvânica padrão. Para tanto, há uma sequência de etapas: impermeabilização, metalização e por fim a cobreação.

Após a peça estar revestida em cobre, o peso e a resistência são do cobre, ela é montado como brincos, pingentes, pulseiras… para então receber a folheação em ouro.

Fornecemos a garantia da folheação de 1 ano.

A durabilidade após a garantia será de acordo com o cuidado que se tem com a peça. Deve-se evitar contato com produtos ácidos e corrosivos.

Antes de folhear em ouro a peça é enrijecida com cobre até ter uma resistência suficiente para ser usada e manuseada sem risco de danos.

O processo de folheação é através de eletrólise, temperatura máxima de 60ºC, e não por fundição.

Apenas com água doce não há problema. Aliás, o procedimento de limpeza é com sabão de coco diluído em água. Deixe a peça de molho de um dia para outro. No dia seguinte é só enxaguar bem e secar com papel.
     Há problema se o líquido for corrosivo como água do mar, ácidos e outros.

Sem problema, ela foi feita para que possa usá-la normalmente.

Não. A maresia corrói o metal e diminui a durabilidade devido o poder corrosivo do sal.

Não, a camada de ouro utilizada (20 microns), é suficiente para que não ocorra oxidação. Há garantia de 1 ano na folheação.

Não. Utilizamos o vegetal seco e impermeabilizamos antes de iniciar o processo de folheação.

Ligamos para Você!


Seu número de telefone não será usado para fins de marketing